Resenha: O casamento - Nicholas Sparks

O casamentoTítulo Original: The Wedding
Editora: Arqueiro
Autor: Nicholas Sparks
Páginas: 224
Ano: 2012
ISBN: 9788580410563
Classificação: 3 estrelas! 

Sinopse: Advogado de sucesso, Wilson Lewis sempre se esforçou para que a família vivesse confortavelmente, mas talvez tenha dedicado tempo demais ao trabalho e de menos às pessoas mais importantes de sua vida. Depois de 30 anos casado e com a filha mais velha prestes a fazer os próprios votos matrimoniais, ele é forçado a encarar uma verdade dolorosa: já não há paixão em seu casamento - e a culpa é dele. Wilson e sua esposa Jane se afastam cada dia mais e ele questiona se a mulher ainda o ama. Uma coisa é certa: seu amor por Jane só aumentou ao longo dos anos e ele está disposto a fazer o possível para reconquistá-la. Inspirado pela maravilhosa história de amor dos sogros, Noah e Allie (de Diário de uma Paixão), ele promete a si mesmo que encontrará uma forma de levar o romantismo de volta à sua vida conjugal e fazer a espos apaixonar-se por ele novamente.


Resenha: O casamento de Nicholas Sparks não se parece nada com os outros livros dele, ele conta a história da filha de Noah e Allie (do livro Diário de uma Paixão), Jane que se casa com Wilson Lewis, e tem três filhos, depois de 29 anos de casamento Wilson percebe que foi um marido horrível e tenta reconquistar a sua esposa.
Um missão difícil para Wilson, sendo filha de Noah e Allie, Jane gosta de um bom romance, e Wilson que é uma pessoa timida e que não consegue expressar seus sentimentos fica com dificuldades para completar esta missão, então decide pedir ajuda de Noah. 
Aos poucos, Wilson tenta mudar a pessoa que ele era, ele tira férias, começa a uma vez por semana fazer o jantar, e aos poucos sua esposa vai percebendo a mudança do comportamento do marido, e eles vão voltando ao que eram, depois de um ano, Wilson faz uma super surpresa para Jane o que traz ela de volta a ele. 
Esse livro deixou muito a desejar, apesar da história ser comovente é o livro que eu menos gostei do Nicholas, um livro raso, o que deixa o livro mais interessante é que temos como saber mais sobre o que aconteceu com Noah, como ele continuou a vida dele sem a Allie. 

Resenha: Impecáveis - Sara Shepard

ImpecáveisTítulo Original: Flawless
Editora: Rocco
Autor: Sara Shepard
Páginas: 329
Ano: 2011
ISBN: 9788579800269
Classificação: 4 estrelas! 

Sinopse: Spencer roubou o namorado de sua irmã. Aria ficou com o coração partido em relação ao seu professor de Inglês. Emily começou a gostar de sua nova amiga Maya. . . tanto quanto de seu amigo. A obsessão de Hanna pela aparência impecável está lhe fazendo mal. E seu segredos mais terríveis ainda é tão escandaloso que a verdade iria arruina-las para sempre.


Resenha: O segundo livro da série Pretty Little Liars é bem melhor do que o primeiro, neste livro conhecemos mais profundamente os personagens, e vemos a amizade das meninas voltar aos poucos.
Emily está no dilema de descobrir se é ou não homossexual, Maya deixou Emily confusa, sem saber o que exatamente o que ela realmente é, neste livro ela acaba se aproximando de Toby, o que traz alguns problemas para ela.
Spencer começa a namorar Wren, ex-namorado de sua irmã, e por causa dele ela acaba piorando na escola, e deixando sua vida meio de lado para ficar ao lado dele, mas o que Spencer não sabe é que não se pode superar a sua irmã.
Aria ainda está com problemas em sua familia, e para piorar "A" conta um segredo para a mãe de Aria, e parece que sua familia irá desabar. Ela se aproxima de Sean, ex-namorado de Hanna, o que traz um clima estranho entre as duas.
Hanna está fazendo de tudo para chamar a atenção de seu pai, e as coisas pioram quando a sua maldosa meia-irmã está na cidade. Ela não consegue se controlar, e ela volta a ser bulímica.
O livro tem uma linguagem super simples, mas o que deixa o livro a desejar é o fato de que há vários erros ortográficos, mas para quem gosta da série indico o livro, porque a história não é a mesma!

Twitter Updates

Blog contents © My Dear Bookshelf 2010. Blogger Theme by NymFont.